• De Template" style="width: 750px; height: 250px;" />

    Música

    Música

    Música Acústica, Digital, Músicos, Internet, Composições, Gente Interessante

  • De Template" style="width: 750px; height: 250px;" />

    Cognição

    Análise Crítica

    Desenvolvimento Cognitivo, Ensaios, Resenhas, Releituras, Crônica, Prosa e Poesia

  • De Template" style="width: 750px; height: 250px;" />

    Educação

    Educação

    Projetos Pedagógicos, Ciclismo, Política e Cidadania, CAS - IB

  • De Template" style="width: 750px; height: 250px;" />

    Psicologia

    Psicologia

    Ken Wilber, Autoconhecimento, Pathwork, Wilhelm Reich, Spiral Dynamics

  • De Template" style="width: 750px; height: 250px;" />

    Meditação

    Meditação

    Meditação, Espiritualidade, Integral Practice, Budismo, Shambhala

domingo, 9 de dezembro de 2012

Acre

Formamos uma Banda para tocar uma música num evento no início de Dezembro. Santa Claus is Coming to Town, de J. Frederik e G. Haven. A versão que usamos como referência foi esta do Sinatra (Gravação de 48. A canção é de 34). No minuto em que abri o e-mail com o link da música comecei a retrabalhá -la no violão. Acabei com um novo arranjo, que o grupo concordou em inserir na apresentação. Gravei um vídeo com o passo a passo do arranjo que você assiste aqui.

sábado, 1 de dezembro de 2012

3 ponto 4

Fizemos um Jardim de Inverno no nosso Apê. Aproveitamos uma área próxima à varanda. Tiramos o feriadão da República para o projeto. Deu tempo de desenhar, comprar, montar e ver pronto. O projeto é assinado pela Gis, minha mulher - designer. Filmei a sua montagem e o resultado deste trabalho você assiste aqui.

sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Como eu

Vou justificar meu voto em José Serra e também a impossibilidade de eu votar no PT. Não vou tocar em Mensalão. Não será preciso. Votar no meu entender é subscrever a uma visão de mundo. E o projeto que o PT vende é uma barca furada. Não sou exatamente tucano, mas me preocupo com o destino do dinheiro que pago como imposto.Você, como eu, também deveria. O que segue é minha reflexão para esta eleição. Regozijo- me em exercitar a autenticidade que este Blog me propõe. Deixe - me começar.

quarta-feira, 10 de outubro de 2012

By the book

The bus shook in the backside. An old lady that looked like a housemaid frowned and mumbled. She came to sit by my side, fighting subtly with other passengers which also long to sit and rest their legs and feets. I would not notice the shift if she did not barely touch her leg in mine. I was far away, delighting  myself with a possible distant future, my mind's eyes following the adventures of Harry Seldon in the amazing Trantor, the planet at the center of the galaxy from the Foundation Series created by science fiction writer Isaac Asimov.
It has been like this since I moved to downtown and decided that i would not let the routines of traffic jam, violence and stupidity spoil none of my days. My greatest concern was making the time I spend in buses or trains useful.
So, one of the best decisions i took were to use the locomotion time to listen a good Audio Book with my mobile phone headsets.

terça-feira, 25 de setembro de 2012

Ciclo-teia


No último sábado, 22/09, saí para curtir o Dia mundial sem carro e pedalar na recém inaugurada Ciclofaixa da Avenida Paulista. Estava tão bom que liguei para o Victor, meu irmão, para pedalar comigo. Ele é da ONG Mão na roda, que promove mutirões com manutenção de bikes.
Tinha certeza que ele estava ali no meio dos bike - ativistas. Como ele não atendeu, fui conhecer a ciclofaixa.

sábado, 22 de setembro de 2012

Long Way to the Light

Long Way to the Light, by Mike Scott
(This song tells my life story. You just have to replace Mike Scott by me as well as Findhorn by Nazaré, the meditation center in the picture which I lived during the year of 1995).

I'm sitting in my bedroom
Overlooking Findhorn Bay
Cluny Hill on the distance
Summer on the way
Blue skies and sailing boats
Like a picture in a book
I can't believe I got here
Or how long it took 


sábado, 25 de agosto de 2012

La ciudad más bella

O ódio aos Argentinos sempre foi motivo de piadas e de campanhas publicitárias no Brasil.
Porque os odiamos tanto? Fui para lá agora em Julho e voltei enamorado pelo povo argentino e pela cidade de Buenos Aires. Seria essa hostilidade justificada? No dia seguinte à nossa volta ao Brasil assistimos da minha janela um espetáculo de horror quando torcedores do Boca Juniors foram encurralados e atacados com paus, garrafas e rojões por uma horda enfurecida. E não eram apenas corinthianos os agressores! Todos que ali passaram tiraram sua casquinha. Alguns aos risos. Foi um linchamento físico e moral. Repare que os brasileiros ganharam a libertadores. O que teria acontecido se o corinthians tivesse perdido? Perplexo com tamanha animosidade lembrei - me do povo de Buenos Aires e de como fomos bem recebidos por lá. E, de novo, exatamente como no Canadá, senti vergonha do meu País.

quarta-feira, 18 de julho de 2012

Terapia do riso


Fonte imagem: http://9gag.com/

Já escrevi aqui sobre como a meditação pode ser uma ferramenta exemplar para os alunos lidarem melhor com stress escolar. Gostaria de ter mais tempo para desenvolver um projeto assim na escola. Mesmo assim, tive a chance de ensinar o básico para um grupo de 25 alunos de 10 a 13 anos. No final de junho a escola nos convidou a dar uma oficina diferente para as crianças, já que na última semana de aulas pouca coisa acontece, com todo mundo esperando a hora de sair de férias. Abracei a chance com espírito investigativo, sem saber o que esperar.

sexta-feira, 8 de junho de 2012

Divulgar pode


Passamos quatro dias em Florianópolis no final de Abril. Eu, de férias. A Gis, nem tanto. Inspirada, tirou cerca de novecentas fotos da Ilha. A sua câmera sempre à tiracolo, uma Sony Semi – profissional com resolução de oito mega pixel. De volta à São Paulo, postou na web  uma seleção de imagens. São fotos para uso comercial. Há de tudo um pouco. Utensílios domésticos, barcos, aves silvestres, paisagens à beira mar. Detalhes revelados no ofício da fotógrafa: Revelar o inusitado, o inesperado, o ângulo oculto. Os dias chuvosos e a opção pelo preto e branco realçaram os ares bucólicos das paisagens. A maioria das imagens foram feitas no Sul da Ilha: Morro das Pedras, Ribeirão da Ilha, Lagoa da Conceição, Pântano do Sul. Por favor, não as copie. Divulgar pode. Aproveite para conhecer seu trabalho como Designer aqui. Abs.
Slideshow das fotos Aqui.

segunda-feira, 30 de abril de 2012

Zona de conforto


Cláudio Patto. Para quem não conhece é o carequinha ilustrado na imagem ao lado. Professor de Biologia. Ótimo sujeito, boa praça. Trabalhamos na mesma escola e adoramos dar aulas. Uma amizade começada. Como ele é bastante hiperativo, ficar perto dele dá uma acelerada no dia. Coisas estranhas acontecem quando nos encontramos (Uma vez vi no seu microscópio um ré sustenido sofrendo mitose. O ré foi para um lado e o sustenido para o outro). O Patto gosta tanto do que faz que inventou de colocar nos quadrinhos suas experiências como professor de Biologia em sala de aula. E criou este (ótimo) site para divulgá -las.

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Sobre as origens deste Blog - Parte três

Sempre preferi o lado mais abstrato da vida. Música, espiritualidade, leitura, conhecimento, mundo interior. Sou um sujeito avoado. Se algo não tem existência sólida, é boa a chance de eu dar um click no botão curtir. A materialidade das coisas por outro lado me é um desafio permanente. Costumo desconfiar de tudo que faz sombra. Disseram - me certa vez:  Você já nasceu mas ainda não encarnou! Se houve um tempo em que fui confrontado com o desafio da encarnação foi este. Deu -se ali na minha troca de peles da adolescência para adultidade. Foi um tempo de aprender na porrada e de viver intensamente. Foi o fim da era do faz de conta. A vida, ficava claro, era uma coisa muito séria.

domingo, 8 de janeiro de 2012

Sobre as origens deste Blog - Parte dois


uma estranha realidade do Carlos Castaneda em São Bernardo do Campo. Era 1982, eu estava com quinze anos. Andava meio para baixo por mudar do prédio antigo. Também a nova cidade me privava do futebol e dos amigos, mas logo me daria em troca a música e os livros.
Aquele livro era bem estranho e me identifiquei de imediato. Descrevia a pesquisa de campo do antropólogo Carlos Castaneda da UCLA com os  índios Yaquis na fronteira dos EUA com o México. 


sábado, 7 de janeiro de 2012

Sobre as origens deste Blog - Parte um


Manter um Blog na Internet é um tanto trabalhoso. Vou tentar contar como cheguei aqui, a um passo de completar cinco anos online, e também a um passo da centésima postagem. Considero aberta a temporada de auto - homenagens. Para chegar comigo ao fim não esqueça de levar na mochila paciência e curiosidade. Revisitarei minha trajetória para entender porque insisto em investir num produto que não dá retorno, seja dinheiro ou audiência. Esta coisa vem de longe e se delineou aos poucos. Antes de ser a história deste Blog, é a história de uma busca. Vou plantar pistas no ar para colher no fim da linha. Acompanha -me.